Have I ever shared why I love to teach how to knit?

Progress on color number six. #knitting @purlsoho 's colorblock bias blanket

Did I ever tell you how much I love to teach these knitting workshops? Students arrive in the morning, some of them unsure of their learning ability. When we climb the (many) stairs to the studio, we chat a bit, making our first introductions.

Four hours later, we’re no longer strangers. After learning to knit, after getting those stitches in a row, and then another row; after seeing ribbing, stockinette and garter stitch growing out of the needles, it feels like a small miracle happened. Students become a community by way of achieving something new, together. It’s like an alchemic process, where the total is more than the sum of its parts.

That’s why I love to teach these workshops: because I meet real people, who want to learn to make something with their hands; who want to slow down to entertain themselves. Who, in a small but significant way, want to change the world, stitch by stitch.

I love how this blog, website and newsletter have brought me so many new friends. But in these workshops, I get to meet you, face to face, and share the passion I feel for yarn and knitting. And that is amazing!

If you’re in Lisbon and feel like it’s time to change your world, stitch by stitch, come join us next Saturday. Info and sign ups here.

*

Já vos contei o quanto gosto de dar os workshops de tricot? Não? (Talvez milhões de vezes?) Adoro. Porque há algo que acontece durante as quatro horas em que estamos juntos, a aprender uma coisa nova. De manhã, quando chegam, os estudantes vêm um pouco incertos sobre as suas capacidades, será que vão conseguir aprender? Enquanto subimos as (muitas!) escadas para o atelier, somos ainda estranhos uns para os outros.

Depois chegamos ao atelier com a vista mais linda sobre Lisboa e começamos a mexer na lã e nas agulhas, dobamos meadas e aprendemos a liga e a meia, e daí começam a sair carreiras das agulhas, um pouco de elástico, e a “malha” acontece. Com a malha, nasce também uma comunidade, um grupo de pessoas que se juntou num Sábado de manhã e que aprendeu a tricotar. Dá-se como que um processo alquímico em que o total é muito mais que a soma das partes.

É por isso que adoro dar estes workshops. Este blog, site e a newsletter têm sido maravilhosos porque me acercam pessoas que nunca sonhei conhecer; mas nos workshops conheço-vos a vocês, queridos leitores, e posso partilhar a minha paixão pelas fibras, pelas técnicas, pelo processo. E nada bate isso.

Se está em Lisboa e deseja ser parte desta comunidade, esta mesmo, que muda o mundo malha a malha, junte-se a nós no próximo Sábado. Mais informações e inscrições aqui.

 

*

Pictured above: the blanket I’m knitting for my baby.

Join our community and get your free illustration. Seja o primeiro a saber as novidades e receba uma ilustração gratuita!

Join our community, start beautifying your life!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

CommentLuv badge