Podcasts

Há já bastante tempo, a C. perguntou-me que podcasts ando a ouvir actualmente. Ora aqui está um assunto que me é caro porque, para quem trabalha sozinha como eu, o podcast funciona sobretudo como uma grande companhia.

Passo a contar:

Definitely not the opera, da CBC Radio.

Para quem fala inglês e gosta de ouvir temas bem abordados, sem nunca serem aborrecidos. Nestas emissões já tocaram assuntos tão diferentes como o valor de um agradecimento, o que são as queixas e porque nos queixamos e muitos outros. Hoje estava a ouvir o programa sobre distracções e, mais uma vez, senti-me muito acompanhada. Afinal, não sou só eu que tento fazer tetris com o meu tempo, me levanto, vou à cozinha buscar uma chávena de chá e volto de lá com um lenço de papel, mas sem chávena de chá. Limpo o nariz e penso que me picam as mãos. Vou à casa de banho e ponho creme, mas ao passar pelo quarto lembro-me de uma camisola que queria pôr a arejar. Olho para a mesa de cabeceira e vejo uma revista que me chama a atenção; pego nela e vou para a sala e sento-me no sofá. Sinto frio e ligo a televisão para ver a temperatura lá fora. Chi, está mesmo frio, deve ser por causa do aquecimento que o ambiente está tão seco. Levanto-me e vou à cozinha buscar uma chávena de chá: “que estranho, o chá já está frio…”, penso eu.

Ah, o podcast! É verdade. Para quê tentar descrevê-lo? Ouçam-no, porque vale a pena.

Coisas que acontecem e Laboratolarilolela

Cada um são meia dúzia de minutos com o belo do disparate do Nuno Markl, o que me dá sempre para a risota. Para acompanhar ilustrações e trabalhos que requeiram menos concentração, pois claro.

Governo Sombra, TSF

Para me manter próxima da realidade portuguesa, nada melhor que um banhinho de Governo Sombra. A actualidade nacional já comentada, com piada incluída e tudo. Gosto muito e consta até que já mandei sonoras gargalhadas, dizem os vizinhos da frente que não percebem como é que uma pessoa sozinha, debruçada sobre uma mesa, se ri tanto.

Sticks and String

E este é o útlimo podcast de que sou fã há muito tempo. O tema é o tricot e é feito por um senhor australiano que vive nas montanhas perto de Sydney e que tricota (não só mas também) a caminho do trabalho. Para quem não tricota, suponho que não deve ter muita graça; para quem tricota, a coisa muda de figura, já que ele entrevista pessoas famosas deste universo (o do tricot), conta como vão os seus projectos, fala dos dois gatos, faz crítica de agulhas, fios, livros e revistas sobre tricot. E tem piada, claro.

De resto, vou ouvindo de forma intermitente os podcasts de Stephen Fry, os episódios da Praia das Maçãs, as entrevistas no Pessoal e Transmissível e as conferências TED Talks. E estou a ouvir o audiolivro Little Women, de Louisa May Alcott, disponível de forma gratuita aqui.

Join our community, start beautifying your life!

2 comments

  1. maio says:

    Já estou a downloadar!!!

    estou em sintonia contigo no que diz respeito às distracções… é assim que chego ao fim do dia cansada, sem perceber muito bem o que andei a fazer.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

CommentLuv badge