Fim de uma era

Ontem e hoje enfiei o atelier todo dentro de caixotes. Destino: arrecadação da casa dos pais. Acho que deve ser isto o que acontece aos pacotes de todos os emigrantes da minha geração.

Hoje estive também a ver onde vou colocar – dentro da algo ocupada arrecadação – os móveis, electrodomésticos, pratos, copos talheres, roupa de cama… enfim, as “coisas” daqui de casa. Parece-me característica do nosso mundo conseguirmos acumular uma impressionante quantidade de coisas absolutamente dispensáveis das quais não nos queremos desfazer.

Acho que a parte mais difícil de decidir que destino vai ter é todo aquele conjunto de fotografias, postais, recortes de revistas, bilhetes, cartões antigos e demais objectos caricatos que pregamos no painel de corticite na parede. Parece tão pouco para ir para um álbum mas tão valioso para ir para o lixo.

Join our community, start beautifying your life!

One comment

  1. Diana Sousa says:

    Olá! Nessa dúvida existencial, aconselho o álbum, especialmente para postais e recortes que tenham a ver com amigos. 🙂 Quantos aos móveis, pratos e talheres… a não ser que sejam antiguidades ou verdadeiros objectos de design, vende, dá, oferece!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

CommentLuv badge